• Marcello Veríssimo

    Uma equipe do Instituto Argonauta, em São Sebastião, resgatou nesta terça-feira (26) uma baleia jubarte, que foi encontrada morta boiando no mar, próximo da Ilha do Montão do Trigo e da Ilha dos Gatos, na costa sul do município. O cetáceo foi resgatado pela equipe que executa do Programa de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS). O caso foi divulgado no início da noite desta quarta.

    De acordo com a assessoria de imprensa do Instituto Argonauta, o animal foi resgatado seguindo técnica para evitar riscos a navegação da população. Trata-se de uma baleia jubarte macho, adulto, com aproximadamente 12 metros de cumprimento, que foi rebocada pela equipe até terra firme para coleta de material, devido ao tamanho e peso do material o reboque foi feito de forma lenta.

    O Argonauta informou que devido ao avançado estado de decomposição da baleia não foi possível confirmar a causa da sua morte. Mas, de acordo com o Instituto Argonauta, não foi encontrado nenhum sinal contundente ou vestigio de pesca e violência, ou seja, provavelmente a baleia pode ter morrido de causas naturais.

    O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, por meio do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos.

     

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.