• Marcello Veríssimo

    Rajadas de vento com mais de 70km/h que atingiram o Litoral Norte na tarde deste domingo (17) deixaram os quatro tripulantes de uma lancha à deriva no Canal de São Sebastião. A tripulação, formada por dois homens e duas mulheres, foi resgatada por embarcação do Departamento Hidroviário do Estado de São Paulo, que é atual responsável pela travessia marítima entre municípios litorâneos, como é caso entre Ilhabela e São Sebastião.

    De acordo com a assessoria de imprensa do DH SP, o resgate da lancha foi comandado pelo comandante Taufic Abraão e sua equipe. Os tripulantes receberam os primeiros atendimentos em terra pelo Corpo de Bombeiros e não precisaram ser levados ao hospital.

    O DH informou que por conta da força da maré e da força do vento a travessia permaneceu paralisada entre 13h e 14h30. “Quando chegamos perto da lancha, vimos que ela estava ancorada. Vimos que as quatro pessoas estavam bastante assustadas, em decorrência das ondas e ventos fortes, que poderiam gerar uma situação de risco para eles”, disse Taufic, que recebeu apoio de Eduardo Ferraz, Leonardo Capozzoli, Mauro Araújo e Silvio Luis, integrantes da sua tripulação. “Eu e meus tripulantes ficamos satisfeitos em salvar os homens e mulheres. Quem tiver embarcações como a deles, voltadas ao lazer, deve redobrar a atenção e não navegar em condições extremas de mar agitado e ventos fortes como as verificadas neste domingo”, alertou o comandante.

    O secretário de Transportes, João Octaviano Machado Neto, elogiou a ação de resgate. “Quero parabenizar toda a tripulação envolvida nesse resgate. Graças ao trabalho em equipe deles, os ocupantes da lancha foram salvos sem ferimentos”.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.