• O Procon da Prefeitura de Caraguatatuba formalizou 3.797 atendimentos no primeiro semestre de 2022 relativos a problemas financeiros e de telefonia celular nos cinco primeiros meses do ano. Somente no mês de junho as reclamações sobre transporte de passageiros lideraram o balanço.

    As reclamações de bancos envolveram envios de serviços ou produtos sem a solicitação dos correntistas, como empréstimos consignados, além da cobrança de parcelas de empréstimos não solicitados e contratos entre os meses de fevereiro e abril.

    As queixas de operadoras de telefonia celular foram relacionadas às cobranças indevidas ou abusivas, aumento de tarifas sem prévia comunicação, mudança para um plano superior sem a autorização do proprietário da linha, não cumprimento de ofertas e recisão unilateral de contrato com maior incidência
    de janeiro a maio de 2022.

    Em junho, os consumidores relataram a não emissão do extrato de crédito e não devolução dos valores de créditos do cartão da empresa Praiamar Transportes.

    Das 3.797 reclamações formalizadas, 88% tiveram resolução antes da audiência e outras 133 se resolveram com a realização da audiência.

    Para o registro da reclamação, o consumidor deve comparecer ao órgão pessoalmente ou por meio de terceiros, com uma procuração. É preciso apresentar RG, CPF e toda documentação pertinente à reclamação, como nota fiscal, ordem de serviço, comprovante de pagamento e outros.

    O consumidor também pode fazer a queixa de forma online aplicativo Caraguatatuba 156, bem como ao acessar o site http://156.caraguatatuba.sp.gov.br/. Atualmente, o Procon conta com 14
    funcionários.

    O atendimento ao público do Procon da Prefeitura de Caraguatatuba é de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. O prédio fica na Avenida Frei Pacífico Wagner, 908, no Centro. Mais informações pelo telefone (12) 3897- 8282, aplicativo Caraguatatuba 156 ou site http://156.caraguatatuba.sp.gov.br/.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.