• Marcello Veríssimo

    Um resgate arriscado mobilizou forças de segurança na manhã desta segunda-feira (6), na praia do Bonete, ao extremo sul de Ilhabela. Um grupo de três pessoas se perdeu na mata, enquanto percorria a trilha que dá acesso ao local. De acordo com a polícia, uma mulher que estava no grupo sofreu fratura na perna após ter escorregado nas pedras da Cachoeira do Aerado.
    O salvamento foi difícil e durou cerca de 10horas. Um vídeo que circulou pelos aplicativos de mensagem mostra o exato momento que o helicóptero Águia, da Polícia Militar, pousou na costeira, de difícil acesso para viaturas.

    O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 22h30 do último domingo, por dois enfermeiros que informaram sobre o acidente com a turista durante o trajeto. Os bombeiros conseguiram acessar a trilha por volta de 0h30.

    De acordo com o GBmar (Grupamento de Bombeiros Marítimos), na ação a equipe realizou o atendimento no local, imobilizando a perna ferida e aguardou o amanhecer desta segunda para acionar o Águia para o resgate.

    Do Bonete, o helicóptero da PM pousou no heliponto do Marum, na Barra Velha, região central do arquipélago, onde uma viatura do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) já aguardava para levar a vítima do Hospital Mário Covas.

    Cuidados – A Associação dos Guias e Monitores de Ecoturismo de Ilhabela recomenda alguns cuidados básicos para fazer trilhas com maior segurança. Se você não possui muita experiência em caminhar por locais com chão acidentado, pedras escorregadias, buracos e, possivelmente, lama, sempre faça trilhas acompanhado, seja de um guia habilitado ou de amigos mais experientes. Além disso, em trilhas na mata, a associação pede para prestar muita atenção onde pisa e coloca as mãos. A maioria dos acidentes com animais peçonhentos, por exemplo, ocorrem por pequenas distrações pelo caminho.

    Outra dica importante: sempre, antes de iniciar uma trilha ou sair para o mar de barco, avise alguém aonde você está indo e quanto tempo pretende ficar. A associação de guias também orienta quanto ao tipo de calçado adequado para percorrer esses trajetos. “Utilize o calçado correto. Jamais faça uma trilha se chinelo ou descalço, por mais curta e aberta que seja. O ideal é utilizar botas específicas para trilha, mas se você não tiver, um tênis confortável irá servir. Em trilhas mais fechadas, utilize sempre perneira de proteção contra mordida de cobras e outros animais peçonhentos”.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.